Técnica para combater notícias falsas, saiba mais sobre “sanduíche da verdade”

Junte-se aos mais de 12.342 comunicadores

Inscreva-se em nossa newletter e receba conteúdos exclusivos de comunicação

Diferente do que é somente ensinado na teoria durante a faculdade, a técnica pra combater as notícias falsas chamada de “sanduíche da verdade” vem ganhando espaço nas redações e veículos.

Esta é uma estrutura narrativa proposta pelo linguista norte-americano George Lakoff.

No entanto, a técnica para combater as notícias falsas orienta o comunicador a seguir três etapas ao construir o texto, assim, refutando a informação falsa.

Contudo, a objetividade é fazer com que o cérebro entenda por que está lidando com uma informação incorreta. Logo, é quase um jogo de encaixe.

Conforme o site Portal da Imprensa, Lakoff explicou em seu podcast FrameLab, que a ideia do “sanduíche da verdade” surgiu quando ele viu como um ex-presidente, de um certo país, recorria com frequência à velha estratégia de repetir tantas vezes uma mentira, até que seus seguidores acreditavam que era verdade. Colocando assim a técnica para combater as falsas notícias em prática.

“Os políticos estão recorrendo à estratégia de repetir mentira após mentira, após mentira, para passar sua mensagem aos seus eleitores. Para combater isso, é necessário enquadrar a história em um quadro mental, onde a mentira é capturada no meio de duas afirmações verdadeiras”, explica Lakoff em seu podcast Framelab de acordo com o site Portal da Imprensa.

Conheça os pontos da técnica para combater notícias falsas

1. Pão: comece sempre com a verdade sobre o fato. Ela vai criar uma confiança maior no que se está escrevendo ou falando, criando uma vantagem para a matéria desde o ponto de partida.

2. Carne: em seguida, inclua a falsidade que deseja refutar, desmentir, negar.

3. Pão: Reitere a verdade novamente, para reforçar a confiança na informação. Além disso, explique as diferentes consequências que a falsidade pode ter, em contraste com as informações verdadeiras.

Segundo o especialista em comunicação política Daniel Eskibel, existem três estratégias básicas de comunicação para combater notícias falsas. São elas:

  • O silêncio
  • A afirmação do verdadeiro
  • O “sanduíche da verdade”

No entanto, a afirmação da verdade, além da ética, por sua vez, é uma arte e ciência que todo comunicador precisa aperfeiçoar todos os dias.

Conforme o site Portal da Imprensa, Eiskibel diz que é preciso desmentir o falso nomeando o conceito oposto; explicar a verdade com frases afirmativas; evitar repetir falsidade, e evitar negações.

Assim, o cérebro humano presta pouca atenção no que é negativo, tirando o foco das notícias falsas e direciona o foco na positividade e na afirmação do que, de fato, é verdadeiro.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cursos Gratuitos

Previous
Next

Posts Relacionados