Jornalistas da Record não podem mais comentar sobre política em redes sociais

Junte-se aos mais de 12.342 comunicadores

Inscreva-se em nossa newletter e receba conteúdos exclusivos de comunicação

A emissora Rede Record lançou um novo código de conduta de seus jornalistas. Isso aconteceu porque a apresentadora Mariana Godoy chamou a live do presidente Bolsonaro de “bizarra”.

Depois da repercussão desse caso, a emissora anunciou as novas regras do Código de Conduta no Ambiente de Trabalho. As novas diretrizes voltadas especificamente aos jornalistas da Record.

O texto vale para todos os jornalistas da Record – TV, Record News, R7 e Rádio Record. Os profissionais da emissora receberam novas orientações sobre a isenção nas redes sociais até mesmo com o uso de emojis.

Ainda de acordo com o código de conduta, nenhum dos jornalistas da Record deve se posicionar sobre política, religião ou outros temas controversos e sensíveis. O profissional da emissora só poderá se pronunciar se a Rede Record autorizar previamente.

Segundo Ricardo Feltrin, desde aquela data os âncoras receberam a ordem de não comentar notícias. Apenas, claro, dos comentaristas que trabalham com opinião.

O objetivo é orientar o comportamento dos jornalistas da Record no meio digital. O vice-presidente de Jornalismo da emissora, Antonio Guerreiro, afirma ainda que o objetivo não é criar limitações aos funcionários.

Nas palavras dele, o objetivo é “apontar comportamentos esperados de um profissional qualificado e responsável, e alertar sobre alguns riscos aos quais todos estamos sujeitos”.

Polêmica Mariana Godoy

No final de julho a apresentadora do Fala Brasil teria comentado que a live do presidente Bolsonaro sobre fraude eleitoral seria “bizarra”. O assessor do presidente, Max Guilherme, rebateu a jornalista nas redes sociais. Ele acusou os jornalistas da Record de serem comunistas.

A Rede Record se sentiu incomodada com esse comentário feito por Max Guilherme, o que incentivou a criação do novo código de conduta. Mariana Godoy entrou na Rede Record em primeiro de março desse ano e já tem sido alvo de polêmicas desde então.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cursos Gratuitos

Previous
Next

Posts Relacionados